Em formação

Raças de galinhas: Pita Pinta

Raças de galinhas: Pita Pinta

Origem, difusão e características econômicas

Raça espanhola em perigo de extinção.

Foi recuperada em 1980. Está espalhada por todo o Principado das Astúrias.
A raça pertence ao ramo atlântico de galinhas domésticas e tem origens comuns com outras raças de galinhas no norte da Espanha, como o Euskal Oiloa do País Basco. Com a expansão das galinhas poedeiras industriais nas Astúrias, nas décadas de 1950 e 1960, o número da raça caiu drasticamente, quase até a extinção. A recuperação da raça começou entre 1980 e 1990. Em 2003, foi fundada uma associação de criadores, a Associação de Criadores da Pita Pinta Asturiana; seus 52 membros geram cerca de 2.000 indivíduos. Em 2005, um livro de rebanhos foi estabelecido.

Características morfológicas

Quatro variedades de cores: 1º preto com branco positivo (longas penas brancas), 2º laranja com branco positivo (longas penas brancas), 3º branco em todas as seções, 4º preto em todas as seções ou com pelagem (pode ser prata ou ouro).

Pele amarela.

Peso médio:
- Galo: 3,75 kg
- Galinha: Kg 2,25


Raça Pita Pinta (foto https://www.mapa.gob.es)


Raça Pita Pinta (por Hector - trabalho próprio, CC BY-SA 4.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=36322014)


Vídeo: Produção modelo de ovos caipiras! (Pode 2021).