Em formação

Raças de frango: Sachsenhuhn - Frango da Nana Saxônia

Raças de frango: Sachsenhuhn - Frango da Nana Saxônia

Origem, difusão e características econômicas

Raça de origem alemã reconhecida em 1992. Cor da concha: marrom claro até creme.

Características morfológicas

Forma média, elegante, forma vigorosa, frango anão levemente alongado; garupa cheia, larga e de altura média. Temperamento animado.
Cores previstas no padrão italiano: branco, preto, Fulva e Sparrowhawk

Peso médio:
- Gaules 1,1 kg
- galinhas de 0,9 kg

Raça Zwerg Sachsenhuhn - Frango da Saxônia Anã (foto www.tiershophartung.de)

Padrão da raça - FIAV

I - GERALIDADES

Origem
Alemanha, reconhecida em 1992.

Ovo
Peso mínimo g. 38.
Cor da carcaça: marrom claro a creme.

Anel
Galo: 14
Galinha: 12

II - TIPO E ENDEREÇOS PARA A SELEÇÃO
Forma média, elegante, forma vigorosa, frango anão levemente alongado; garupa cheia, larga e de altura média. Temperamento animado.

III - PADRÃO
Aparência e características gerais da raça

1- FORMULÁRIO
Tronco: bem desenvolvido; um pouco alongado; mantendo o corpo na horizontal.
Cabeça: pequena e estreita.
Bico: comprimento médio; Forte; cor correspondente à do tarso.
Olhos: grandes, brilhantes; cor de acordo com a variedade.
Crista: pequeno e simples, recuado regularmente, o lobo segue apenas ligeiramente a linha da nuca. Em galinha proporcionalmente menor.
Bargigli: pequeno e de textura fina. Menor na galinha.
Rosto: vermelho e suave.
Caxumba: branca; amendoado.
Pescoço: comprimento médio, com capa completa.
Ombros largos; não muito proeminente; um pouco escondido pela capa.
Dorso: subindo ligeiramente antes do meio, em direção à garupa e à cauda, ​​sem nenhuma interrupção ou ângulo. Garupa cheia, larga e arredondada lateralmente sem interrupção da parte traseira à cauda. Na galinha, a formação de rolamentos é tolerada.
Asas: fechadas, portadas quase na horizontal e bem apertadas ao corpo.
Cauda: de comprimento médio; ligeiramente elevado; vista de cima larga na base e ligeiramente arredondada; ampla visão de perfil na base e depois estreitando para trás; visto por trás, ligeiramente aberto e ligeiramente elevado, com timoneiro, foices grandes e pequenas, todas dispostas o mais regularmente possível. Na galinha vista de cima e de perfil, ela deve ser larga na base para encolher em direção às costas; vistos por trás, os timoneiros são levemente oblíquos, de modo que sua estrutura ligeiramente aberta completa a linha superior característica.
Peito: largo, bem arredondado e um pouco proeminente. Na galinha larga e profunda.
Pernas: pernas de comprimento médio. Tarso de comprimento médio, não grosseiro; cor de acordo com a variedade. Comprimento médio e dedos bem abertos.
Barriga: cheia, larga e bem desenvolvida nas costas.

2 - PESOS
Galo: kg. 1.1
Galinha: kg.0,9

Falhas graves: corpo leve, muito curto ou muito grande; peito liso; corpo segurando fortemente inclinado; hábito também detectado; cauda estreita, muito elevada ou pendurada; interrupção na transição costas / garupa / cauda; caxumba muito grande ou fortemente avermelhada; wattles por muito tempo; cabeça grossa; cume superdesenvolvido.

3 - PLUMAGEM
Conformação: cheia, não muito dura, mas bem esticada ao corpo.

IV - CORES

PRETO
GALLO e GALLINA
Casaco preto intenso com fortes reflexos verdes.
Íris marrom escura. Társios pretos.
Defeitos graves: cor opaca; reflexos roxos ou bronze na plumagem; trilhas farinhentas.

BRANCO
GALO e GALLINA
Casaco branco puro. Pequenas reflexões amareladas eram toleradas na capa e na garupa do galo.
Íris vermelho-laranja. Tarsi cor de carne clara.
Defeitos graves: fortes reflexos amarelos; penas de outra cor.

Pardo
GALLO e GALLINA
Jovem corça uniforme e intensa. Um pouco de sombra mais escura no galo. Colcha de penas de corça e costas. É tolerado um leve salpico preto na cauda e nas remigrações primárias.
Íris vermelho-laranja. Tarsi de cor de carne, um esmalte azulado temporariamente tolerado.
Falhas graves: edredom branco; penas pretas; trilhas farinhentas.

SPARVIERO
GALLO e GALLINA
Cada pena cruzava em várias alternâncias de cinza-azul escuro e cinza-azul claro, as barras tendo uma forma ligeiramente arqueada. O desenho não é preciso. Barras da mesma largura no galo, na galinha a parte escura é um pouco mais larga que a luz. Jaqueta para baixo apenas fracamente projetada. É permitido um remigante preto para cada asa.
Íris vermelho-laranja. Tarsi de cor de carne, alguns flocos escuros são permitidos na galinha.
Defeitos graves: ausência completa do desenho de gavião nas foices ou nas remigências no galo; design pardalhawk fortemente lavado; trilhas farinhentas.


Vídeo: Frango do Campo: Uma raça portuguesa, com certeza! (Pode 2021).